Administração realiza palestra de atendimento as mulheres vítimas de violência

No anfiteatro municipal a educadora e especialista em politicas de enfrentamento a violência contra as mulheres Aparecida Gonçalves junto com a equipe da secretaria de assistência social realizaram uma palestra de atendimento as mulheres vítimas de violência. Estiveram presentes: equipe do conselho tutelar, o prefeito Carlos Alberto Pelegrini, primeira dama Vera Jane, secretária de Assistência Social Adriana Mancini, vereadora Luzia Montiel, servidores da CRAS, diretora do CEIM Joelma da Silveira, Marcos Palhano procurador municipal, diretora da escola municipal Cida Pedro, agentes da saúde.

Na abertura do evento ouve apresentação cultural do serviço de convivência com Cleiton e Samuel e coreografia que denominarão com o nome “basta” uma apresentação onde levarão ao público emoção e realidade.

Muitas pessoas acreditam que a violência contra a mulher começa com agressão física. Porém, este não é o entendimento de uma especialista no assunto.

De forma dialogada e informal, a palestrante conduziu o assunto sobre ‘Combate à Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher’, e afirma que a agressão física de fato costuma ser o último estágio da violência. Até chegar nela, a vítima já foi humilhada e agredida de muitas outras maneiras. “O que as pessoas não sabem é que a mulher vítima de violência está em uma relação abusiva, porque, muitas vezes, não percebe os primeiros sinais do agressor. Por vezes, também, não imagina que os comportamentos abusivos irão culminar mais tarde em agressão, ou, ainda, não tem condições físicas, psicológicas ou financeiras para dar um basta. A maioria sente vergonha e não consegue pedir ajuda”, destacou.

O prefeito Carlos Alberto Pelegrini foi bem categórico em suas palavras onde deixou bem claro que sua administração está a disposição para o que for necessário para manter o programa.

Fonte: Assessoria