Com avanço da agricultura, Paranhos investe na infraestrutura rural

O prefeito de Paranhos, Dirceu Bettoni. Para acompanhar e garantir condições logísticas para o crescimento da agricultura no município, a prefeitura está investindo na melhoria da malha viária rural. (Fotos: Vilson Nascimento)

Com visão empreendedora em relação ao avanço crescente da agricultura no município, a Prefeitura de Paranhos vem centralizando ações no sentido de melhorar a logística na zona rural do município, que tem no agronegócio a base de sua economia.

Segundo o prefeito Dirceu Bettoni (PSDB), hoje cerca de 25 por cento área territorial do município de Paranhos já está destinada a agricultura, sobretudo a produção de grãos como soja e milho e a tendência é que essa área se amplie ainda mais para a safra 2019/2020.

Leitos de estradas em estão sendo levantados e pontos considerados mais críticos estão recebendo cascalhamento.  

Pensando no crescimento desse setor, que além de gerar maior movimento na economia e empregos diretos e indiretos, além de contribuir inclusive com o fortalecimento da pecuária por meio da rotatividade lavoura/pastagem, com vem ocorrendo em Amambai, por exemplo, a Prefeitura de Paranhos vem investindo pesado na melhoria de estradas e pontes.

“O clima é favorável, nossas terras são produtivas e isso tem atraído grandes investimentos na área da agricultura. Nós do poder público, sabendo a importância dessa diversificação agricultura/pecuária para o crescimento da economia de nosso município, estamos investindo na zona rural de Paranhos para garantir condições logísticas para que esse setor avance cada vez mais”, disse o prefeito Dirceu Bettoni.

Segundo Bettoni, dentro desse cronograma de melhorias da malha viária elaborado pela Secretaria Municipal de Obra estão elevação de leitos de estradas com cascalhamento de pontos considerados críticos e substituição de pontes de madeira por pontes de concreto.

“Nesse primeiro momento estamos levantando estradas e implantando, quando necessário, cascalho em pontos que consideramos mais críticos. Terminada essa demanda mais urgente nossa meta é estender esse tipo de trabalho ao longo de todas nossas principais estradas municipais para melhorar a trafegabilidade e garantir melhores condições de escoamento, tanto da produção agrícola como da pecuária”, destacou o prefeito.

Pontes de madeira estão sendo substituídas por pontes de concreto para suportar o tráfego dos veículos pesados usados no escoamento da produção de grãos.  

Pontes de concreto

Segundo Dirceu Bettoni outra ação que já vem sendo desenvolvida pela administração municipal, a exemplo da recuperação das estradas, com emprego de recursos próprios do município, é a substituição de pontes de madeira por pontes de concreto.

“Hoje para o transporte de grãos e até mesmo de maquinários, são usados caminhões de grande porte e mesmo que reformássemos nossas pontes de madeira, não dariam suporte a essa demanda. Por isso estamos substituindo as pontes de madeira por pontes de concreto, que são obras caras, mas de grande durabilidade e suporte de peso. Já concluímos a implantação de uma ponte de concreto em uma região considerada de grande importância no que diz respeito a demanda agrícola e estamos com outra em fase de construção. Estamos com projetos prontos e nossa vontade é substituir, até o final do nosso mandato, mais pelo menos oito pontes de madeira por pontes de concreto”, disse Bettoni ao ressaltar que, por se tratarem de obras caras, a administração municipal vai tentar viabilizar recursos junto ao Estado e a União para a conclusão dessa meta.

Fonte: Vilson Nascimento/ Grupo A Gazeta