Projeto de Mara Caseiro estimula o protagonismo feminino desde a educação básica

Foto: Assessoria

Com objetivo de incentivar alunas sul-mato-grossenses a participarem de olimpíadas científicas brasileiras, a deputada estadual Mara Caseiro (PSDB) criou o projeto de Lei que institui no Estado, o "Prêmio Meninas Olímpicas". Além de reconhecer o esforço e a dedicação das estudantes do sexo feminino, o prêmio visa aumentar a representatividade feminina nos espaços de poder, bem como encontrar talentos nas diversas áreas do conhecimento. Pelo projeto fica instituído no calendário oficial de eventos, o dia 21 de março como a celebração estadual das "meninas olímpicas".

Inspirada pela idealizadora do Movimento Meninas Olímpicas, professora Nara Martini Bigolin da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), a deputada Mara Caseiro decidiu criar o projeto para promover a participação feminina em olimpíadas científicas nacionais e, ao mesmo tempo, estimular a participação delas nos mais diversos níveis da sociedade. “Infelizmente, é de conhecimento público que as relações de gênero em todos os níveis de nossa sociedade ainda estão longe da tão sonhada igualdade, especialmente nos espaços de poder e na ciência. Referida constatação é facilmente percebida por meio de diferenças salariais, índices de violência e baixa participação de mulheres em espaços públicos e de poder”, disse Mara Caseiro.

Ela comparou dados que mostram a premiação de apenas 10% de meninas nas principais olimpíadas científicas do Brasil e menos de 5% nas olimpíadas internacionais, com o percentual de mulheres eleitas, mulheres presidentes de grandes empresas e pesquisadoras em centros de pesquisa em excelência. “Há um percentual idêntico da subrepresentação das meninas em olimpíadas de conhecimento com as mulheres em espaços de poder. Diante desse fato queremos incentivar as alunas que ainda estão na educação básica, a buscarem posições maiores, em espaços de poder. Quem sabe assim conseguiremos vencer a desigualdade de gênero e todos os males que ela acarreta”, concluiu a deputada. 

PRÊMIO MENINAS OLÍMPICAS

Conforme o projeto de Lei da deputada estadual Mara Caseiro, as estudantes sul-mato grossenses de escolas públicas que forem vitoriosas em olimpíadas científicas brasileiras, receberão diploma e medalha contendo o brasão da Assembleia Legislativa e do Estado de Mato Grosso do Sul acrescido do nome da estudante e da categoria do prêmio.

Tal premiação será destinado a duas meninas em cada nível de cada área de conhecimento da olimpíada científica participante, conforme a categoria de cada olimpíada, nos seguintes níveis de ensino fundamental e médio: Nível 1 - sexto e sétimo ano do ensino fundamental; Nível 2 - oitavo e nono ano do ensino fundamental; e Nível 3 - ensino médio. 

A relação das estudantes a serem homenageadas será elaborada inicialmente pela Diretoria Escolar da instituição de ensino participante da olimpíada, que a remeterá a Subsecretaria de Políticas Públicas para Mulheres - SECC/MS para deliberação e posterior encaminhamento dos nomes à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso do Sul. 

A lista de nomes deverá conter, no mínimo, o seguinte: o nome completo e instituição de ensino da estudante; Olimpíada científica brasileira que venceu e; Medalhas conquistadas no ano anterior a premiação.

Fonte: Assessoria