Mortes por gripe em MS chegam a 53 em 2019; o número é maior que os últimos dois anos somados

Vacina contra a gripe — Foto: Fabrício Araújo/G1 RR

Em Mato Grosso do Sul, 53 pessoas morreram por gripe em 2019, de acordo com boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde, divulgado nesta quarta-feira (7). A maioria das mortes foi registrada em Campo Grande, com 19. Em seguida, aparecem Três Lagoas, com 6; Corumbá, 4; e Ponta Porã, com 3.

São 1.246 notificações registradas no estado em 2019 e as fatalidades por gripe no ano ultrapassam as de 2018, com 33 e as de 2017, com 6. As mortes são em decorrência da Síndrome Respiratória Aguda Grave por Influenza, a maioria, 48 mortes, pelo vírus H1N1.

O vírus Influenza é dividido em tipos, subtipos e linhagens. Todas essas variações correspondem a diferenças encontradas no material genético do vírus. O influenza também sofre mutações muito frequentemente; por isso, a vacina é atualizada todos os anos com novos vírus.

A Secretaria de Saúde alerta para os sintomas da gripe: febre, tosse, dor de garganta, na cabeça e nas articulações. A orientação é, ao apresentar esses sinais, procurar atendimento em ate quarenta e oito horas para início de tratamento adequado, principalmente pessoas que já tem alguma doença crônica.

Fonte: G1 -MS