Agricultura familiar: caminhões são para conservação de estradas em mais 10 municípios

Fotos: Ricardo Minella e Arquivo Agraer

A agricultura familiar em Mato Grosso do Sul vai ganhar reforço a partir da próxima quinta-feira (6), quando ocorrerá a entrega, pela Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural), de caminhões caçamba para mais 10 municípios, somando-se aos que chegaram a 13 cidades nas últimas semanas.

As entregas serão feitas pelo secretário estadual de Saúde Geraldo Resende e pelo diretor-presidente da Agraer, André Borges, para os municípios de Batayporã, Bonito, Corumbá, Deodápolis, Eldorado, Fátima do Sul, Glória de Dourados, Iguatemi, Itaquiraí e Ribas do Rio Pardo. Os prefeitos serão recebidos mediante um cronograma que terá início às 14 horas, prosseguindo até as 16 horas, com um intervalo de 15 minutos entre cada município, para evitar aglomerações.

Os veículos fazem parte de um lote de 32 unidades adquiridas pelo Governo do Estado com recursos viabilizados pelo secretário estadual de Saúde Geraldo Resende quando ainda exercia o mandato de deputado federal, por meio de uma emenda ao Orçamento Geral da União/2018, no valor de R$ 7 milhões, e contrapartida estadual de R$ 2,3 milhões. Do total, dois caminhões foram disponibilizados para a Agraer, sete para a Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) e o restante para 23 municípios.

Nas semanas anteriores, receberam as chaves dos caminhões os prefeitos de Amambai, Angélica, Bodoquena, Caarapó, Caracol, Chapadão do Sul, Coronel Sapucaia, Itaporã, Ivinhema, Mundo Novo, Rio Verde, Sete Quedas e Taquarussu.

Investimento

Caminhões vão atender o setor produtivo da Agricultura Familiar

Para viabilizar os recursos, Geraldo Resende ouviu pelos de diversos prefeitos e associações de pequenos produtores rurais, cabendo à Agraer a tarefa de auxiliar na definição dos municípios beneficiados. O objetivo da ação, segundo ele, é favorecer a mecanização e a modernização da agricultura familiar nos municípios sul-mato-grossenses.

A mesma constatação é feita pelo secretário Jaime Verruck (Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), para quem a manutenção nas estradas rurais facilita o escoamento da produção e torna o pequeno produtor mais competitivo.

"Preocupado com a agricultura familiar, o Governo do Estado trabalha para conservar das estradas, pois isso beneficia diretamente os produtores ao melhorar as condições de transporte e de escoamento da safra, além de diminuir o tempo de transporte", conclui Jaime Verruck.

Fonte: Ricardo Minella, SES